Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Seis moradores de Juruena morrem por complicações da Covid-19

montagem

Após contabilizar um grande número de pessoas contaminadas pelo coronavírus, o município de Juruena, noroeste de Mato Grosso, registrou a morte de 06 moradores por complicações da Covid-19 em poucos dias.

Das 06 pessoas que vieram a óbitos quatro estavam internadas fora do município onde o senhor Manoel Antônio Proença De Almeida faleceu na sexta-feira, sendo registrado outras mortes no sábado e as demais no início da semana, sendo, José Roberto Gomes De Andrade, Cilso Aparecido Mendes, este era prestador de serviços na secretaria de obras, Júlio Ruiz, Claudir Rodrigues Da Luz, que já morou em Juína, e Wesley Cezilio dos Santos, ex-secretário de planejamento do município.

A secretaria municipal de saúde atualizou na última segunda-feira o boletim epidemiológico dos casos de Covid-19, onde segundo uma postagem da secretaria numa rede social houve um certo “alívio” no número de internações que diminuíram, porém, alguns pacientes que já estavam internados para tratamento do vírus, não resistiram e vieram a óbito, causando tristeza e comoção na cidade.

Os dados do boletim epidemiológico mostram que até o momento foram registrados 1.095 casos positivos da doença, 1.084 casos negativos, 1.047 casos de pessoas recuperadas, 36 casos de pacientes que aguardam resultados de exames em isolamento domiciliar, 09 casos de pacientes que tiveram resultados positivos e estão isolados para tratamento, 28 óbitos confirmados.

No hospital municipal da cidade encontra-se internado 04 pacientes, sendo dois da cidade de Juruena e dois do município de Colniza, 03 pacientes da cidade de Juruena foram internados em outras cidades, sendo 02 na cidade de Juína e 01 em Cuiabá, e mais 07 pacientes que foram transferidos para leitos de UTIs em outras cidades.

A secretaria de saúde do município de Juruena continua contando com a colaboração das pessoas para que haja uma diminuição nos casos de contágio do vírus, onde as regras criadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e vigilância sanitária devem ser seguidas com seriedade e responsabilidade a fim de baixar os números de casos e óbitos registrados no município.

Fonte: Juína News

Deixe seu comentário:

sicredi

sicredi

grupo krupinski

grupo krupinski

Curta nossa fanpage

Mural de Recados

Deixe seu recado

Para deixar seu recado preencha os campos abaixo:

Para:  
E-mail não será publicado
(mas é usado para o avatar)
JOSE RUDY
terça-feira, abr 20. 2021 10:03 PM
abraço pra todos aripuanenses, filhos da terra

1 · 2 · 3 · 4 · 5 · »