Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Mais de 100 famílias afetadas por temporal recebem alimentos e roupas de voluntários em Juína

juina

Mais de 100 famílias atingidas pelo afetadas por um temporal entre quarta-feira (1º) e quinta-feira (2), em Juína, a 737 km de Cuiabá, estão recebendo doações de roupas e alimentos.

O temporal provocou alagamentos e deslizamentos em várias região da cidade. A estimativa do Corpo de Bombeiros é que de aproximadamente 115 famílias tenham sido afetadas diretamente pelas fortes chuvas no município.

Muitos moradores da cidade ficaram ilhados e perderam móveis, roupas e outros objetos. Algumas pontes e bueiros foram derruídos pela enchente.

Neste fim de semana, bombeiros e voluntários arrecadaram produtos e distribuíram às famílias. Pessoas e empresas que têm poços artesianos e outras formas de abastecimento, estão disponibilizando água tratada aos moradores afetados pelo temporal.

O prefeito de Juína, Altir Antônio Peruzzo, informou que já foi realizada a limpeza das bombas e secagem da estufa e que a água já voltou a ser bombeada para tratamento nesse sábado (4).

Altir disse ainda que, com a ajuda dos moradores, a prefeitura está realizando a recuperação das pontes e bueiros, e fazendo a retirada de barreiras que caíram nas estradas. “Está tudo caminhando de forma avançada para resolver todos os problemas”, ressaltou.

As regiões mais afetadas e que necessitaram de intervenção, segundo o Corpo de Bombeiros, foram a comunidade da Verdam, o Bairro São José Operário, Módulo 04, Palmiteira, Linha 05 e Parque Laranjeira.

De acordo com os bombeiros, as duas ocorrências de maiores complexidades foram a de alagamento de uma residência no Parque Laranjeira, com água até o telhado.

Três pessoas da mesma família estavam presas em um sobrado, já que não conseguiam sair por conta própria devido ao grande volume de água e forte correnteza.

Com auxílio de cabo guia, caiaque e coletes salva-vidas foi feita a retirada da família. O segundo chamado de grande proporção foi o desabamento de uma residência no Bairro Palmiteira.

A casa desabou devido à proximidade com o Morro do Vanzella, onde houve um deslizamento de terra. Uma vítima ficou presa nos escombros e, com auxílio de populares, foi possível efetuar o resgate.

Fonte: G1 MT

Deixe seu comentário:

sicredi

sicredi

grupo krupinski

grupo krupinski

Curta nossa fanpage

Mural de Recados

Deixe seu recado

Para deixar seu recado preencha os campos abaixo:

Para:  
E-mail não será publicado
(mas é usado para o avatar)
JOSE RUDY
terça-feira, abr 20. 2021 10:03 PM
abraço pra todos aripuanenses, filhos da terra

1 · 2 · 3 · 4 · 5 · »