Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Familiares procuram por homem desaparecido em Mato Grosso

desapa

Desde o dia 30 de outubro de 2020, a família de Fernando Pinto Bogea, de 42 anos, vem sofrendo com o desaparecimento dele que saiu da cidade de Arari no estado do Maranhão para trabalhar na cidade de Aripuanã em Mato Grosso. Familiares e amigos se uniram e vieram até o estado de Mato Grosso em busca de informações do senhor Fernando.

James Nunes, amigo da família de Fernando, contou que o rapaz saiu do estado do Maranhão para trabalhar como carpinteiro na cidade de Aripuanã, e após passar mal e ter tido um surto psicótico, a empresa o encaminhou para um tratamento em Cuiabá, local em que segundo informações, Fernando teve um novo surto quando estava hospedado em um hotel e saiu pela madrugada sem destino.

img

Após procurar praticamente em todos os pontos possíveis como albergues, CRAS e outros locais de acolhimento na capital mato-grossense, os amigos e familiares conseguiram nenhuma informação que pudesse levar ao paradeiro de Fernando Pinto Bogea, que já passou por problemas depressivos no estado do Maranhão, realizando tratamento e recebendo alta médica, antes de vir para o estado de Mato Grosso.

A única pista que surgiu sobre o possível paradeiro de Fernando Bogea, foi o uso de seu cartão bancário na em um estabelecimento da cidade de Juína, sendo efetuado o pagamento de uma refeição, supostamente feita por Fernando.

Para que o amigo e um irmão de Fernando conseguisse vir até o estado de Mato Grosso a procura do rapaz, a cidade de Arari se mobilizou para ajudar a pagar as despesas e custos da viagem que durou três dias, como relatou o amigo da família, James Nunes, que pediu para ajuda a população juinense para encontrar Fernando e levá-lo de volta para o estado do Maranhão e ao convívio dos familiares, pois segundo relatos do amigo, Fernando nunca teve problemas com a justiça, é um trabalhador que levava uma vida simples e rotineira.

O irmão de Fernando, Edivan Bogea, contou que o irmão passou por um problema psicológico de saúde a ao se recuperar veio para o estado de Mato Grosso a trabalho, e bastante emocionado fez um apelo para que alguém que viu ou saiba alguma pista que possa levar ao paradeiro de Fernando Pinto Bogea, que entre em contato com os telefones (65) 3901-4823 e (65) 99982-7766.

Fonte: Juína News

Deixe seu comentário:

sicredi

sicredi

grupo krupinski

grupo krupinski

Curta nossa fanpage

Mural de Recados

Deixe seu recado

Para deixar seu recado preencha os campos abaixo:

Para:  
E-mail não será publicado
(mas é usado para o avatar)
JOSE RUDY
terça-feira, abr 20. 2021 10:03 PM
abraço pra todos aripuanenses, filhos da terra

1 · 2 · 3 · 4 · 5 · »